nn5n Foundation
Branch of SCP Foundation
nn5n: scp-3007 Mundo de Dois Artistas
KeterSCP-3007 Mundo de Dois ArtistasRate: 204
SCP-3007

AVISO

O DOCUMENTO A SEGUIR É CLASSIFICADO COMO RISCO POR INFORMAÇÃO NÍVEL-VI. ACESSO NÃO AUTORIZADO RESULTARÁ EM TERMINAÇÃO VIA AGENTES MEMÉTICOS. PROSSIGA POR SUA CONTA E RISCO.




























































































Memetic%20kill%20agent.jpg


AGENTE MEMÉTICO ATIVADO


SINAIS DE VIDA CONFIRMADOS


RECUPERANDO ARQUIVO…














































City

Descrição artística do SCP-3007-3, pelo SCP-3007-2GV. Pinturas não são visíveis (ver Adendo 3).

Item nº: SCP-3007

Classe do objeto: Keter

Procedimentos Especiais de Contenção: Os hospitais e a mídia mundo afora devem ser monitorados para a aparição de SCP-3007-1. Instâncias de SCP-3007-2 devem ser levados a custódia da Fundação, e a exploração de SCP-3007-3 utilizando SCP-3007-2 deve ser conduzido sobre a supervisão de um funcionário Nível 3. Todos os indivíduos confirmados como SCP-3007-2 devem ser terminados imediatamente. Civis não afetados que tenham adquirido conhecimento sobre SCP-3007-3 devem ser administrado Amnésticos Classe-A. Funcionários que demonstrarem resiliência ou falta de cooperação na promulgação dos procedimentos acima devem ser amnestizados e transferidos imediatamente, uma vez que a brecha de contenção de SCP-3007 certamente resultará em um Cenário Fim-de-Mundo Classe-XK.

Descrição: SCP-3007-1 é um fenômeno alucinogênico recorrente, sem padrão aparente em relação à idade, gênero, raça, saúde ou profissão. SCP-3007-1 afeta aproximadamente ██ indivíduos (designados como SCP-3007-2) a todos os momentos em todo o mundo, com novas instâncias constantemente emergindo apesar das tentativas da Fundação de eliminação. Atualmente, nenhum método além da morte se provou eficaz na prevenção ou descontinuação de SCP-3007-1. SCP-3007-1 ocorre em uma base aparentemente aleatória, com uma média de quatro vezes por dia em cada sujeito. A duração é tipicamente entre cinquenta a oitenta minutos.

Sujeitos afetados clamam serem transportados para uma localização, designada SCP-3007-3. A descrição de SCP-3007-3 é bastante idêntica entre os sujeitos, mas não corresponde a nenhum lugar conhecido da Terra. Embora SCP-3007-1 muitas vezes frequentemente em múltiplos sujeitos simultaneamente, não há casos confirmados de indivíduos se encontrando dentro de SCP-3007-3. Quando experienciando SCP-3007-1, indivíduos são completamente capazes de movimento físico, mas relatam que eles podem apenas perceber a realidade via a audição e o toque. Como resultado, os indivíduos são capazes de navegar por SCP-3007-3, mantendo a comunicação com indivíduos não afetados. As sensações de visão, olfato e paladar dentro de SCP-3007-3 são indistinguíveis da realidade.

Qualquer trauma ou ferimento obtido dentro do contexto de SCP-3007-1 também ira se manifestar na realidade. Até a data presente, houveram ██ indivíduos que morreram por impacto de altitude elevada, presumidamente devido as ações tomadas enquanto experienciando SCP-3007-1. Em acréscimo, sons originados de dentro de SCP-3007-3 podem ser claramente percebidos na realidade dentro de um raio de dois metros de SCP-3007-2. Estes dois atributos fornecem algumas evidências quanto a existência de SCP-3007-3.

Adendo 1: Registro de Entrevista 3007-2C, primeiro relato registrado de SCP-3007-3.

Entrevistado: SCP-3007-2C, é uma fêmea aposentada de 68 anos da Coreia do Sul.

Entrevistador: Dr. ████

Data: 12/07/20██

Prefácio: O diálogo foi traduzido do Coreano. Sujeito estava entre os primeiros SCP-3007-2 a serem encontrados e, atualmente, o único sujeito mentalmente sadio.

<INICIAR TRANSCRIÇÃO>

Dr. ████: Bom dia, Sra. H██████. Como você está se sentindo?

SCP-3007-2C: Não estou bem, estou com medo. Eu tenho problemas para dormir.

Dr. ████: Exames indicam que você está com boa saúde, então isso é causado pela sua condição?

SCP-3007-2C: Condição? Oh, você quer dizer as visões. Sim, eu ainda continuo pensando sobre aquele lugar.

Dr. ████: Lugar?

Indíviduo acena a cabeça.

SCP-3007-2C: Sim. Às vezes antes, estava embaçado, como um sonho. Eu me lembro apenas o bastante para dizer que era o mesmo lugar. Essa vez, entretanto, foi diferente. Eu podia ver a paisagem em perfeita clareza.

Dr. ████: Por favor, descreva esse local em detalhe.

SCP-3007-2C: Vai parecer totalmente inacreditável, mas, por favor, acredite em mim. Após a visão começar, eu apareci no tipo de ponte suspensa estreita. Era dia, porém a luz do sol parecia fraca, como se fosse obscurecido pela fumaça. Tinha um fedor horrível no ar- me lembrava lixo e carne apodrecendo. [Engasgos]

Dr. ████: Você está bem?

SCP-3007-2C: Sim… É só que isso traz de volta tantas memórias… Desculpe-me, eu vou continuar. Eu podia ver um tanto longe por causa da altura, e ao meu redor havia as ruínas de uma… Cidade. Bem, eu não tenho certeza. Os prédios são diferentes de qualquer coisa que eu já havia visto antes, mais como árvores gigantes do que como arranha céus. Eles eram tão altos que eu tive que erguer meu pescoço para ver o topo fino como uma agulha. Alguns permaneceram de pé, mas a maioria tinha caído ou foram reduzidos a pó. Quando a tontura finalmente parou, eu fui para o lado da ponte e olhei para baixo. O chão estava fora de vista, é como se a cidade que continuasse para sempre na escuridão. Eu tive que me afastar antes de vomitar ou perder o equilíbrio. Milhares de pontes, como aquela em que eu estava, pareciam ser a única ligação entre os prédios. Porém, muitas delas também estavam quebradas. Todas as estruturas eram feita de um material liso, metálico, mas ao invés de ser brilhante, era tão branco quanto osso.

Dr. ████: Você foi capaz de discernir criaturas entre as ruínas?

SCP-3007-2C: Não. Eu não podia a ver um único animal ou pessoa movendo por em volta. Não tinha plantas também. Você acharia que os prédios abandonados seriam invadidos por eles, porem o lugar inteiro estava morto e ermo.

Dr. ████: Eu vejo. Havia alguma outra característica notável?

Sujeito muda de assunto, visivelmente desconfortável.

SCP-3007-2C: Tinha um pilar alto preto à distância. Era mais grosso e se destacava de todos os outros edifícios, então eu fiquei curiosa e comecei a andar em direção a ele. Eu poderia ter chegado lá, mas coisas apareceram no meu caminho… deitados no chão…havia… Doutor, eu tenho que continuar? Eu não quero me lembrar disso. Por favor, nós podemos apenas parar?

Dr. ████: Eu entendo que você está chateada, mas, por favor, continue.

Individuo cobre sua boca com uma mão, começando a chorar.

SCP-3007-2C: Me desculpe. Apenas me assustou, só isso. Os corpos. Eles estavam espalhados por toda parte. Eles pareciam ressecados e mumificados, então eles devem ter morrido a muito tempo atrás. Eu pensei que eles pertenciam a diferentes animais no começo, porém eu me atrevi a olhar mais de perto - eles possivelmente eram pessoas, mas seus corpos estavam errados. Retorcidos. Tinha um homem, eu acho, cujos ossos se arqueavam em partes e irrompiam de sua pele como membros extras. Ele tinha seus braços erguidos, provavelmente arranhando essas coisas quando ele morreu. Uma criança estava próxima a ele… deve ter sido uma criança. Sua cabeça estava derretida como cera, mas era da mesma altura do meu neto… Oh Deus… Alguns dele foram… pressionados em cubos… Oh Deus, por favor… não não não…

Divagação desta natureza continuou por mais alguns minutos. SCP-3007-2C cai em um estado de histeria e se recusa a oferecer descrição mais detalhada. Persuasão não obtêm sucesso e o individuo é considerado instável para a entrevista continuar.

Dr. ████: Obrigada, isso vai ser tudo por hoje.

<FIM DO REGISTRO>

Declaração de encerramento: O nível de destruição observado e seus efeitos psicológicos em sujeitos é relativo. Futuras investigações irão ser concentradas em obter informação a respeito dessa localização, e sua correlação a SCP-3007-1. - Dr ████

Adendo 2: A presença de um largo pilar é consistente entre os relatórios de SCP-3007-2. O objeto é visível por sujeitos ao ponto inicial no interior de SCP-3007-3.E surge proeminente dentre as outras estruturas na cidade. Devido a seu potencial significativo, o pesquisador líder de SCP-3007, Dr. ████, defende fortemente sua exploração..

Individuo: SCP-3007-2GV, formalmente denominado como E███ R████. Sujeito é um macho australiano de 23 anos, formalmente designado como um ilustrador. Sujeito é notável por possuir memória excepcional.

Funcionário de Supervisão: Dr. ████.

Equipamentos: Nenhum.

Notas Adicionais: ██ tentativas de exploração foram conduzidas anteriormente, embora eram extremamente falha devido a falta de cooperação dos sujeitos. SCP-3007-2GV se voluntariou, demonstrando grande vontade em ajudar o entendimento e tratamento de SCP-3007-1.

<COMEÇO DO REGISTRO (08:30, 14/07/20██)>

SCP-3007-2GV: Doutor? Começou. Estou na cidade agora.

Dr. ████: Você pode ver a estrutura do pilar?

SCP-3007-2GV: Sim, não esta longe. Eu acho que eu consigo chegar lá dentro de uma hora se não houver problemas.

Dr. ████: Por favor, prossiga como planejado.

SCP-3007-2GV: Tudo bem. Oh, Deus, isso é confuso.

No metal, passos irregulares são escutados, ecoando um pouco.

SCP-3007-2GV: Uh… Quase cai. É estranho não sentir nada aqui. Okay. Eu acho que eu estou bem agora.

Passos continuam, visivelmente mais estáveis. Sujeito ocasionalmente retarda, como se estivesse evitando obstáculos no chão.

Dr. ████: Por favor, descreva seu arredor e nos notifique de quaisquer desvios de suas observações anteriores.
SCP-3007-2GV: Até agora, tudo são apenas coisas que eu havia visto antes. Os edifícios têm quilômetros de altura. Eu tenho quase certeza que são feitos de metal, como a superfície que eu estou andando agora. As pontes estão para todos os lados, entrecruzando-se e unindo-se como teias de aranha. A maioria delas estão intactas, Então, sendo cuidadoso, poderei ir de uma para a outra. Quanto ao tempo - A iluminação é boa, então acho que é de man…

Há um leve barulho de algo sendo quebrado, seguido do sujeito xingando.

SCP-3007-2GV: Droga, pisei na perna dele… Oh Deus, o cheiro. Achei que me acostumaria com isso.

Passos continuam, e o sujeito está com respiração pesada.

SCP-3007-2GV: Tem mais dessas coisas espalhadas por aí, mas julgando pelo fedor, é muito pior denro dos prédios. Eu prefiro não ir lá e ficar aqui fora a céu aberto, tudo bem?

Dr. ████: Tudo bem. Prossiga.

Sujeito progride por quinze minutos sem tantas anormalidades. Durante esse tempo, relatórios do individuo consistem em dano observável causado nas estruturas. Todas as descrições são compatíveis com aquelas dadas por indivíduos anteriores.

SCP-3007-2GV: Estou chegando perto, mas tem mais coisas estranhas ao redor daqui. Há um caça com seis asas que caiu em uma ponte abaixo de mim. Tem estado lá por um tempo. [Pausa] Eu posso ver o piloto em sua cabine. Porra… Ele esta dividido no meio, uma metade suspensa de cada lado. Meu Deus, este lugar está realmente bagunçado.

Dr. ████: Existem outras aeronaves?

SCP-3007-2GV: Sim, elas estão por toda parte e aumentando. Eu não acho que você me contou sobre isso antes doutor.

Dr. ████: Não. Você é único sujeito que se aventurou longe o bastante para observar tal ocorrência.

SCP-3007-2GV: Okay. Acho que eu deveria tomar cuidado. Eu não sei o que esse lugar vai jogar em mim na próxima. Oh, e, o cheiro esta ficando um pouco mais forte. Esta me fazendo um pouco doente.

Dr. ████: Interessante. Continue seu caminho, por favor.

SCP-3007-2GV: Se você diz.

Sujeito continua a relatar ocorrências de aeronaves danificadas, totalizando mais de quarenta aeronaves idênticas dentro do alcance observável. Vinte minutos depois, os passos do sujeito começam a diminuir.

SCP-3007-2GV: Tudo bem, estou olhando para o pilar agora. É muito mais largo do que eu pensei. É um cilindro, cerca de quarenta metros de espessura. Talvez mais.

Dr. ████: A algum aspecto incomum?

SCP-3007-2GV: Umm, eu posso ver que tem algumas manchas coloridas nele, provavelmente decoração. Tem algumas escadas enrolado em torno dele, levando ao topo. E o cheiro… Oh Deus.

Dr. ████: O que a de errado?

SCP-3007-2GV: Os corpos. Uma maldita multidão deles. . Eles estão reunidos em volta da base, esmagados juntos Eu nem posso contar quantos deles… Jesus Cristo…

Dr. ████: Por favor, continue calmo e avalie o nível de obstrução. Você pode alcançar a escadaria?

SCP-3007-2GV: Espera, você está- você está dizendo que eu deveria ir através deles? Eu não vou fazer isso. De jeito nenhum.

Dr. ████: Por favor, continue. Você se voluntariou, não é?

SCP-3007-2GV: Eu não sabia que eu estaria lidando com isso!

Dr. ████: Esse é o propósito da exploração, Sr. R█████. Atualmente, nos falta informação suficiente sobre estas alucinações, e nós necessitamos da sua cooperação. Você pode nos ajudar a achar um tratamento para sua condição, e nunca mais ter que visitar esse lugar novamente.

SCP-3007-2GV fica silencioso por quase um minuto.

SCP-3007-2GV: Bem, vou tentar. S-só desta vez… Isso é insano.

A respiração do sujeito torna-se difícil e aumenta a frequência dos passos. Sons de trituração abafados são ouvidos, junto com palavrões e ocasionais tropeções. Depois de três minutos, esses ruídos diminuem. Há uma série de pancadas rápidos, seguidos por um baque pesado. O individuo começa a suspirar alto.

SCP-3007-2GV: Jesus, nunca mais… Porra…

Existem ruídos de raspagem momentaneamente, seguida por alguns passos lentos.

Dr. ████: Sr. R█████? Não sabemos quando a ocorrência terminará, por isso, evite adiar e suba.

SCP-3007-2GV: Tudo bem, eu estava indo. Quanto mais longe dessas coisas, melhor. [Pausa] Doutor? Esses corpos. Eles estão junto como se eles estivessem subindo um ao outro para chegar nesse pilar. E… e alguns deles, os que tem cabeça, eles estão todos voltados como se estivessem encarando diretamente para mim. Ou qualquer coisa no topo dessa coisa. Porra, é assustador. Acho que vou indo agora.

Sons de pancada recomeçam. Sujeito permanece em silêncio por vários minutos. Gradualmente, um fraco som rápido emerge presumivelmente vento da altitude elevada.

SCP-3007-2GV: Doutor? Esse lugar me deixa desconfortável.

Dr. ████: Considerando o que você viu, isso é compreensível.

SCP-3007-2GV: Não, Doutor, você não compreende. Não são só os corpos e os prédios. Esse lugar não e normal. Oque aconteceu aqui não é normal. Eu primeiramente pensei que havia tido algum tipo de desastre natural, como um terremoto ou chuva de meteoro. Pensei que era assim que esta cidade foi destruída. Mas agora que estou bem alto, o lugar inteiro parece errado.

Dr. ████: Por que você assume isso?

SCP-3007-2GV: Bem, daqui de cima, eu estive percebendo alguma coisa incomum sobre esses prédios. Eles não apenas foram reduzidos a pó ou explodidos. Alguns dele foram enrolados, cortado em seções, ou ate mesmo esmagado em pedaços, como argila. É mais como se eles tivessem sido deformados. Como se fossem arame que um garoto pegou e o curvou em formas estranhas.
Vento se torna mais audível enquanto o sujeito sobe.

SCP-3007-2GV: Eu penso que é o mesmo com os jatos, e ate mesmo os corpos. A maioria deles tinha características humanas, como se eles costumavam a serem pessoas. Um terremoto não faria isso. Isso não faz sentido. Seja lá o que aconteceu aqui, não apenas destruiu. Isso brincou com esse lugar.

Dr. ████: Entendo. Por favor, prossiga.

O vento gradualmente aumenta de volume. Os passos param.

SCP-3007-2GV: Eu me deparei agora com a primeira pintura. É estreita e mais alta do que eu. Eu posso localizar mais algumas ao redor desse pilar, bem ao lado da escada. É como se essa coisa toda foi projetada para mostrar eles.

Dr. ████: O que isso retrata?

SCP-3007-2GV: Eu acho que talvez possa estar contando algum tipo de história. Tem um grupo de pessoas nisso, segurando objetos aleatórios. Eles estão sorrindo, mas, além disso, seus rostos são inexpressivos. Também tem uma criatura estranha azul, mas isso talvez só seja uma pessoa exagerada. As linhas no fundo parecem os prédios nessa cidade. Eu não posso ter certeza, apesar; do estilo surreal é difícil de descrever. É completamente diferente do que eu geralmente faço porém eu posso tentar desenha-los quando eu voltar.

Dr. ████: Sim, isso certamente vai ser útil.

SCP-3007-2GV: Okay, eu vou se eu posso memorizar os outros também.

Passos recomeçam e continuam por cinco minutos.

SCP-3007-2GV: Estou no segundo. É ainda mais confuso que o primeiro, mas eu posso ver algumas aeronaves. Seis asas, como as que eu encontrei há um tempo.
Sem relatórios por cinco minutos. A duração implica que as pinturas são uniformemente espaçadas ao longo do pilar.

SCP-3007-2GV: Jesus… esse está fodido. Têm algumas dessas criaturas cadáveres nele, mas parece que eles ainda estão vivos. Deus, eu posso quase cheirar eles de novo.

Dr. ████: Talvez seja só a sua imaginação. Você foi desorientado e posto sobre stress pelos últimos cinquenta minutos, então é perfeitamente normal confundir ilusões com a realidade.

SCP-3007-2GV: Eu não sei mais o que é real.

Cinco minutos de duração.

SCP-3007-2GV: Aqui está esse fedor novamente. . Eu me afastei dos corpos, mas não está desaparecendo. Na verdade, está ficando mais perto.

Dr. ████: Por favor, continue calmo, Sr. R█████. Você esta perfeitamente seguro, eu posso te assegurar.

Cinco minutos de duração.

SCP-3007-2GV: Este aqui… mostra pessoas tendo linhas saindo fora de seus cérebros, e eles estão meio ligados ao pilar. Você pensa que um deles pode ser eu?

Dr. ████: Isso é uma observação interessante.

SCP-3007-2GV: É, eu acho que talvez me ajude a descobrir sobre o que isso tudo é sobre. Deus… eu não aguento mais.

Nos próximos cinco minutos, o sujeito resmunga incoerentemente sob a sua respiração enquanto sobe.

SCP-3007-2GV: Eu estou quase chegando ao fim agora, e o cheiro está ficando realmente forte. Doutor, eu não sei o que há lá, e eu não tenho certeza se eu quero descobrir.

Dr. ████: Sr. R█████, por favor continue. Você chegou tão longe.

SCP-3007-2GV: Doutor, eu… é, eu acho que você está certo. Melhor ver inteiramente.

O vento está alto agora, quase abafando os passos do sujeito enquanto ele pisa em uma superfície diferente. Sujeito subitamente grita incoerentemente. Há um baque surdo seguido de barulhos barulhentos.

SCP-3007-2GV: O meu Deus… que porra é essa? Mas que porra é essa! para vomitar//

Choro é audível.

Dr. ████: O que você vê?

SCP-3007-2GV: Eu não sei porra. É seco como todos os outros que eu tenho visto, mas é- é enorme! E tem a cara dez vezes maior que a minha e o corpo Deus tantos braços e está faltando pedaços e está enrolado - [Gritos]

Dr. ████: Sr. R█████, por favor não entre em panico. Está morto, não é? Não apresenta nenhum perigo a você.

SCP-3007-2GV: Não, Doutor, não é só o corpo, é a pintura que está situada nele. A ultima. Eu não acho que está acabada, mas posso dizer… Oh Deus… por que isso está aqui? É a porra de um [REDIGIDO – REFERE-SE AO ADENDO 4].

Dr. ████: Você tem certeza?

SCP-3007-2GV: É claro que eu tenho! Qualquer um teria re-

Individuo para abruptamente, e, após uma confusão momentânea, relata que SCP-3007-1 terminou. Embora em um estado emocional instável, o individuo diz que ele é capaz de lembrar as imagens claramente.

<FIM DO REGISTRO (09:41, 14/07/20██)>

Declaração de encerramento: Tendo em vista que a narração de SCP-3007-2GV é confiavel, eu acredito que nós seremos capaz de obter informações sobre SCP-3007-3 atraves imagens que ele recriou. - Dr. ████

Adendo 3: 25/09/20██. Reprodução gráfica das pinturas na superfície do pilar por SCP-3007-2GV. As imagens foram exibidas para outros indivíduos envolvidos em expedições posteriores, que confirmaram que estas eram altamente precisas em termos de similaridade as obras originais.

1.jpg

3007.A

2.jpg

3007.A

3.jpg

3007.A

4.jpg

3007.A

5.jpg

3007.A

Adendo 4: 27/12/20██. Anexo 3007.B. Reprodução da pintura final localizada no topo do pilar.

Earth

3007.B

revisão da página: 2, última edição: 23 Jan 2019 23:52
Unless otherwise stated, the content of this page is licensed under Creative Commons Attribution-ShareAlike 3.0 License

Privacy Policy of website