nn5n Foundation
Branch of SCP Foundation
nn5n: scp-3455 411 Dias Por Ano
UnknownSCP-3455 411 Dias Por AnoRate: 86
SCP-3455
party.jpg

Foto de uma celebração SCP-3455. Acredita-se que a substância colorida seja um alucinógeno anômalo.

Item nº: SCP-3455

Classe do Objeto: Archon1

Procedimentos Especiais de Contenção: Os procedimentos padrões da Fundação devem ser mantidos rigorosamente durante SCP-3455. Funcionários agindo de maneira diretamente contrária aos objetivos da Fundação durante SCP-3455 serão severamente punidos após sua conclusão.

Antes da conclusão de qualquer SCP-3455, todos os dados críticos devem ser armazenados em local temporariamente isolado.

Pesquisa sobre a causa de SCP-3455 está em andamento, embora deva ser notado que, caso a causa seja descoberta, é vital que seus efeitos sejam preservados; SCP-3455 falhar em redefinir-se corretamente no final de uma iteração causaria danos irreparáveis à normalidade.

Descrição: SCP-3455 é uma anomalia temporal que subverte o fluxo linear do tempo, ocorrendo anualmente às 00:00 GMT de 17 de março. No início de qualquer SCP-3455, todos os humanos afetados recuperarão imediatamente todas as memórias que tiveram durante a iteração anterior, que normalmente inclui o conhecimento do SCP-3455 e sua natureza.

SCP-3455 dura exatamente 47 dias, concluindo às 23:59 GMT no dia 3 de maio. Após sua conclusão, o tempo volta ao ponto inicial; quaisquer alterações feitas durante SCP-3455 são removidas da causalidade e todo o conhecimento adquirido é perdido. O tempo então progride normalmente até o começo da próxima iteração.

Conduta humana muda drasticamente durante SCP-3455; acredita-se que isso não esteja relacionado à anomalia em si, mas sim uma consequência do conhecimento recuperado das iterações anteriores e da percepção cultural geral do tempo abrangido por SCP-3455 como sendo livre de consequências. Aumentos notáveis ​​de exibições de hedonismo ocorrem globalmente, junto com um aumento geral de crenças niilistas e redução de inibições pessoais. Ações que normalmente seriam consideradas imprudentes ou supérfluas também são ocorrências comuns. SCP-3455 é designado abrangentemente como um mês extra do calendário denominado "Liberário" pela população civil.2

Taxas de incidência de atividade anômala aumentam muito além do parâmetro durante SCP-3455. Contenção de novas anomalias durante este tempo é complicada pela consciência do público em geral de atividade anômala e da própria Fundação. Apesar disso, todos os funcionários da Fundação devem manter operação padrão no decorrer de SCP-3455.

Acredita-se que o primeiro evento SCP-3455 tenha ocorrido em 1976, embora a Fundação não tivesse conhecimento dele até 1987, quando a tecnologia para isolar temporariamente os dados do fluxo temporal foi desenvolvida.

Nota: para facilitar a distinção entre o tempo durante SCP-3455 e a linha de tempo base, a denominação de mês "Liberário" será usado para designar datas com SCP-3455.

1978
Presume-se que seja a terceira iteração com SCP-3455 e a primeira em que a humanidade como um todo tomou conhecimento de seus efeitos. Notável pelos tumultos generalizados, crises governamentais, completo colapso de serviços público e de emergência na maior parte do mundo.

1980
Acredita-se ser a primeira iteração referida como "Liberário" em toda a mídia popular, embora a fonte seja desconhecida. Houve aumento significativo do comportamento sexual promíscuo em todo o mundo, junto com festas populares nas grandes cidades.

1983
Formação dos "Filhos de Líber", um culto que pratica hedonismo extremo no período de SCP-3455. O conceito tornou-se rapidamente popular em inúmeras áreas do mundo e gerou vários outros grupos com filosofias semelhantes. O fundador é desconhecido.

1985
No dia 17 do Liberário, a URSS lançou cinco armas nucleares com destino à Lua, que impactaram aproximadamente três dias depois. No dia 23 do Liberário, os EUA lançaram dez armas nucleares para a lua. O primeiro conjunto de explosões não foi visível a olho nu, devido à lua cheia no momento. Por causa da fase posterior da Lua e dos locais de impacto específicos, três das detonações de armas dos EUA foram brevemente visíveis como clarões pequenos e brilhantes. Isso levou a uma declaração de vitória do governo dos EUA, embora nenhum detalhe adicional tenha sido dado.

1986
No dia 33 do Liberário às 17:00 GMT um total de 57 ataques terroristas simultâneos foram realizados nas principais cidades ao redor do mundo. A contagem exata de vítimas é desconhecida, mas acredita-se ser mais de 5000. Os autores não foram identificados.

1987
Houve um notável aumento no diagnóstico de casos de TEPT (estresse pós-traumático), especialmente entre as vítimas de violência durante as iterações anteriores do SCP-3455. Acredita-se que isso esteja relacionado à lembrança súbita de iterações passadas.

A popularidade de grupos como os Filhos de Líber aumentou. Um número de anomalias de baixo nível foi associado ao culto. Investigações estão em andamento. Um mês do festival popularmente chamado "Liberália" ganhou força em várias partes do mundo, caracterizado pelo uso de uma variedade de compostos de drogas anômalas que são tipicamente dispersas no ar. Este festival ocorre durante quase todas as iterações.

Os desenvolvimentos tecnológicos da Fundação permitiram a preservação de dados durante as iterações de SCP-3455, fornecendo a funcionários da linha do tempo base acesso aos dados registrados e ao conhecimento de SCP-3455. A anomalia recebeu sua designação oficial nesse período.

1990
Saddam Hussein anunciou que irá construir uma estátua de 50 metros de altura em Bagdá. Estima-se que esteja 20% concluída até o final da iteração.

Investigações sobre a atividade anômala associada aos Filhos de Líber estão em andamento, embora nenhuma informação sobre sua liderança ou qualquer atividade anômala relatada tenha sido encontrada até o momento.

1991
Confirmou-se que os Filhos de Líber são liderados por um indivíduo chamado Paul Hagenson, também conhecido como PdI-54112. Uma tentativa de questionar PdI-54112 sobre a atividade anômala observada anteriormente resultou em violência, causando sua terminação e de alguns seguidores.

Um evento anômalo no dia 41 do Liberário resultou no desaparecimento completo das ilhas de Madagascar, da Irlanda e cerca de 80% da massa de terra do Japão à uma profundidade de aproximadamente 800m abaixo do nível do mar. As rápidas mudanças resultantes no nível do mar causaram uma interrupção significativa nas áreas costeiras de todo o mundo. Esse evento não ocorreu durante a linha do tempo base.

1992
No quinto dia do mês Liberário, conhecimento sobre a Fundação tornou-se público, já que o Diretor do Sítio-76 vazou grandes quantidades de dados classificados para agências de notícias do mundo todo. Como consequência desta ação, as atividades da Fundação durante iterações de SCP-3455 sofreram complicações graves devido à interferência civil e governamental.

Os procedimentos de segurança foram atualizados significativamente na linha do tempo base para evitar que essas violações voltassem a ocorrer. O funcionário responsável pela violação foi demitido do seu emprego na Fundação após a administração dos amnésticos de Classe-E.

Pessoas que desapareceram durante a iteração anterior não possuíam memória do evento que ocorreu. De todo modo, suas memórias sobre a iteração terminam no momento em que o evento ocorreu.

1993
Larami3 anunciou a construção da "maior arma de água do mundo", que foi concluída no dia 32 do Liberário. A ativação do dispositivo resultou na destruição de si mesmo e de nove edifícios que estavam diretamente em seu caminho. A fumaça da água queimada escapou da atmosfera e criou uma nuvem temporária de vapor em órbita. O uso de tecnologia anômala é suspeito, embora investigações durante o tempo de referência não puderam corroborar isso.

Está confirmado que nenhum registro sobre PdI-54112 pode ser encontrado durante a linha do tempo base, apesar de sua presença dentro de SCP-3455.

1996
O site anômalo "childrenofliber.com" foi observado pela primeira vez durante essa iteração. Durante o mês Liberário, o site apresenta notícias e listagens mundiais de eventos referentes a SCP-3455; Fora do período, o site apresenta um cronômetro simples que conta até a próxima iteração SCP-3455. Tentativas de rastrear o proprietário do domínio ou do servidor que hospeda o site falharam, dentro e fora das iterações.

1997
No dia 36 do Liberário, um grupo de golfinhos-nariz-de-garrafa aproximou-se da costa perto de Port Elizabeth, na África do Sul, e começou a apresentar várias obras de William Shakespeare em inglês. Devido ao amplo conhecimento sobre a Fundação, esse evento tornou-se público antes que a contenção pudesse ser estabelecida. O evento não ocorreu durante a linha do tempo base.

1999
O aumento de tensões entre os EUA e a China relacionado aos eventos, tanto na linha de tempo base quanto na iteração anterior de SCP-3455, levou a declarações de guerra. Embora o impacto seja mínimo,4 há vários ataques contra alvos militares de ambos os lados.

2000
Hostilidades começaram no resumo da iteração anterior, com ataques muito mais coordenados de ambos os lados. Ataques a alvos militares e civis resultaram em milhares de baixas. Uma conferência não-planejada da Organização das Nações Unidas resultou em caos durante os momentos finais da reunião devido a reignição de conflitos antigos, porém não-associados, entre vários membros.

Tentativas de encontrar mais informações sobre PdI-54112 falharam repetidamente. Dado o conhecimento público sobre a Fundação e sua consciência do interesse da Fundação nele, parece estar ativamente evitando o contato.

2001
Conflito emergiu mundialmente como resultado dos eventos da iteração anterior. Embora grande parte das forças armadas de todo o mundo permaneçam ausente do conflito, danos significativos foram causados ​​à infraestrutura global de comunicações e energia. Rotas de navegação e transporte foram interrompidas por causa do conflito, levando à escassez de alimentos em várias partes do mundo. Perdas são altas e danos estruturais são significativos, considerando o período relativamente curto de tempo e mão-de-obra limitada em todos os lados. Esses conflitos continuarão pelas próximas três iterações com resultados semelhantes.

2005
Embora nenhuma resolução oficial para o conflito em progresso seja alcançada, as hostilidades cessaram funcionalmente devido à falta de mão-de-obra disponível, pois membros das forças armadas de grande parte do mundo simplesmente se recusam a participar.5

Papa João Paulo II não morreu durante essa iteração, apesar da doença que levou à sua morte na linha de tempo base, antes de SCP-3455. O significado disso é desconhecido.

2009
Uma tentativa de interação com PdI-54112 resultou novamente em sua terminação.

Uma forma desconhecida de tempestade de energia se formou sobre o sul do Oceano Pacífico no dia 41 do Liberário e começou a se mover para o oeste, em direção à Austrália, deixando um vazio temporal em seu rastro.6 A tempestade chegou à terra firme no dia 46 do mesmo mês, destruindo uma porção significativa da costa de Queensland antes de se dissipar.

Na linha de tempo base, o não-anômalo ciclone Yolanda seguiu um caminho e um calendário semelhantes, resultando em um número severo de fatalidades e grandes danos à região.

2010
PdI-54112 voluntariamente se rendeu à Fundação com o objetivo de estabelecer um diálogo. A entrevista conduzida é transcrita abaixo.

Entrevistador: Agente Ryan Christchurch.
Entrevistado: PdI-54112 (Paul Hagenson)
Data: Dia 45 do Liberário, 2010.

Christchurch: Ok, vamos começar. Você ativamente resistiu às nossas tentativas de fazer contato no passado, Sr. Hagenson—

PdI-54112: Paul, por favor.

Christchurch: -então, por quê falar conosco agora?

PdI-54112: Por que me acusa? Todos sabem como vocês operam. Pessoas trancadas e coisas estranhas em locais secretos no mundo todo. Eu não tenho muito interesse em gastar meu tempo preso em uma gaiola. Mas estou cansado de gastar o tempo que eu deveria estar aproveitando me cuidando para não ser pego e recentemente descobri algo que me dá um pouco mais de…vantagem.

Christchurch: E o que seria isso?

PdI-54112: Primeiro, deixe eu perguntar para você; o que sabe sobre mim?

Christchurch: Você fundou os "Filhos de Liber" durante o mês Liberário de 1983 e os liderou desde então. Tornou-se conhecido em certos círculos por suas festas extravagantes, mesmo considerando as coisas normais que acontecem durante esse período. Também esteve envolvido em várias ocorrências anômalas durante quase todos os meses Liberários nos últimos 30 anos.

PdI-54112: Algo mais?

Um breve silêncio

Christchurch: Não. Parece que você não existe fora desse evento.

PdI-54112: Eu costumava. Estar lá fora, quero dizer.

Christchurch: Como você deixou a linha de tempo base? Criou alguma anomalia temporal?

PdI-54112: Não, não. Eu não criei isso. Sou apenas um homem comum. Era um homem rico e poderoso. Possuía uma grande corporação anônima nos anos setenta.

Christchurch: Como isso tudo mudou?

PdI-54112: Câncer. Foi tratável, claro. Como disse, eu era rico. Mas você sabe como essas coisas funcionam. Você nunca é realmente curado do câncer. Está apenas em um relógio, esperando os dias até ser internado novamente. E eu já tinha 58 anos. Virou um pouco clichê, eu sei, mas tudo isso fez perceber minha própria mortalidade. Então decidi fazer algo sobre.

Christchurch: Sobre sua mortalidade.

PdI-54112: Por que não? Deve ter visto algumas coisas incomuns trabalhando dentro da sua Fundação. Deve saber o tipo de merda que pode descobrir por aí, se olhar com atenção.

Christchurch: Então, o que você fez?

PdI-54112: A mesma coisa que todo idiota rico faria na minha situação. Eu visitei todos os charlatões, lunáticos e feiticeiros de vodu que poderia encontrar, e ver quem poderia ter o que eu estava procurando. Ei, foi nos anos setenta. Nenhum deles resolveu, claro. Mas fiquei sabendo de algo. Você acredita em algo, Sr. Fundação? Um Deus?

Christchurch: Não, não. Não realmente.

PdI-54112: Ah, mas você viu coisas, não viu? Eu posso ver isso nos seus olhos. Coisas que alegam serem deuses, ou tão próximas a eles que provavelmente humanos acreditarão.

Christchurch: Você está dizendo que encontrou um deus?

PdI-54112: Ou algo que estava perto o suficiente. Ele era velho. Morrendo, acredito, se deuses puderem morrer. O grande Líber, deus romano do vinho, da fertilidade e da liberdade.

PdI-54112 gesticula dramaticamente.

PdI-54112: Eu não sei se ele realmente era o que dizia ser, mas certamente acreditava nisso. Ele era amargo também. Irritado por ser esquecido. Falava sobre como seus companheiros deuses eram todos imortalizados pelo calendário ou como eles se tornaram queridinhos da cultura pop. Mas não o velho e pobre Líber.

Christchurch: Você fez um acordo com um deus moribundo.

PdI-54112: Bingo. Ironicamente, eu tinha procurado algo para tentar resolver a questão da minha mortalidade, apenas para encontrar um deus agonizante que não conseguiu resolver o sua própria. Ele não poderia me tornar imortal, mas ele poderia me dar tempo. Tempo sem fim. Uma estranha distinção, mas aí está.

Christchurch: Isso criando o tempo extra?

PdI-54112: Oh não, não. Acho que não. Não, acho que o tempo de repetição já estava lá. Um fenômeno natural talvez. Claro, ninguém se lembrava disso. Isso poderia estar acontecendo há séculos. Milênios até, pelo que sei. Não, ele deu lembrança às pessoas. Transformou-me em uma espécie de âncora, acho. Colocou um pouco do que sobrou dele dentro de mim. Enquanto eu existir, ele existe e as pessoas vão lembrar o que aconteceu no último mês Liberário. Desde que estou ligado a isso, eu não posso não existir. Tive que desistir da minha vida original, obviamente. Foi tudo esquecido pelo mundo. Mas valeu a pena o preço.

Christchurch: E o que esse "Liber" ganhou com isso?

PdI-54112: Para ser lembrado, claro. Para viver um pouco. Todos os seres de grande poder querem. Então, certifiquei-me de que o tempo extra seria nomeado em sua homenagem. Fundou os Filhos. Durante 47 dias do ano, Liber é a maior brincadeira da cidade.

Christchurch: E você passa o tempo realizando orgias e comendo comida suficiente para alimentar um pequeno país.

PdI-54112 ri.

PdI-54112: Entenda, da minha perspectiva, faz apenas alguns anos desde que tudo começou. Tudo o que você considera como tempo normal não existe para mim. Mas eu admito, esse aspecto de tudo começou a se desgastar um pouco. Não é disso que estamos aqui para falar, não é.

Christchurch: Você mencionou algo sobre vantagem. Suponho que você vai tentar nos chantagear agora.

PdI-54112: Por favor, entenda que não estou fazendo isso maliciosamente. Está realmente fora do meu controle. Mas, como disse, estou cansado de ter que me cuidar constantemente, para caso alguma Fundação continuar tentando me pegar e me trancar em uma caixa. Então, espero que possamos chegar a algum tipo de acordo.

Christchurch: Estou ouvindo.

PdI-54112: Liberário é toda a minha existência. Meu impacto no seu mundo é limitado, mas não é inexistente. Você não perde nada me deixando em paz. O mundo já conhece a Fundação e todas as coisas estranhas que você lida durante o Liberário. Nenhuma das coisas "anômalas" no meu círculo é prejudicial. A maioria é apenas efeitos colaterais de ter parte de Líber dentro de mim, eu acho. Os restos de um velho deus divertindo-se.

Christchurch: Nós não perdemos nada deixando você sozinho. O que ganhamos então?

PdI-54112: Como eu disse antes, sou uma espécie de âncora agora. Enquanto estou aqui, mantenho tudo o que é-

PdI-54112 gesticula vagando pela sala.

PdI-54112: -preso. Sólido. O todo. Quando eu não estou aqui - por exemplo, quando soldados da Fundação entram em uma das minhas festas e me matam. Bem, as coisas se tornam um pouco menos sólidas.

Christchurch: O que você está dizendo?

PdI-54112: Eu vou soletrar para você. Toda vez que morri, algo ruim aconteceu. Algo grande. Eu não sei porque, talvez seja o resultado daquele último pedaço do deus vivendo dentro de mim realmente morrendo. Mas eles começaram a afetar o seu tempo. A última vez que morri, aquela tempestade na Austrália vazou e causou todo tipo de problema. Quantas pessoas morreram? Nove, dez mil? Esse foi o pior até agora, mas não foi a primeira vez.

Christchurch: Então você está mantendo o mundo como refém?

PdI-54112: Ah, não seja tão dramático. Como disse, não é intencional. Eu me senti mal quando percebi a conexão. Tomei menos riscos desde então, menos nesse caso. Mas como eu disse, também tenho pouco interesse em ser caçado. Então aqui está o acordo. Você me deixa em paz, para cuidar do meu negócio sem nenhum custo para si mesmo ou para sua preciosa "normalidade" ou o que quer que você chame. E, em troca, não me matarei toda vez que achar que você está chegando perto.

Christchurch: Nós poderíamos apenas mantê-lo sedado. Colocando você para dormir toda vez que o mês Liberário começar de novo.

PdI-54112: Isso funcionaria uma vez. No próximo mês eu acordaria em outro lugar. Certamente não nas suas pequenas celas. E então você teria que me rastrear de novo e arriscar que eu fosse morto. Por que arriscar?

Após a entrevista, PdI-54112 foi sedado até a conclusão da iteração SCP-3455, com sua concordância. PdI-54112 não estava presente em sua cela designada na iteração a seguir e seu paradeiro atual é desconhecido. A alegação de que sua terminação tem uma correlação com desastres destrutivos, que afetam a linha do tempo base, foi corroborada.

A atual política operacional para PdI-54112 é apenas monitorar, mas não abordar.

revisão da página: 9, última edição: 01 Feb 2019 22:07
Unless otherwise stated, the content of this page is licensed under Creative Commons Attribution-ShareAlike 3.0 License

Privacy Policy of website